Escolha a sua língua

English
Portuguese
Spanish
Azerbaijani
Basque
Bengali
Belarusian
Afrikaans
Bulgarian
Catalan
Croatian
Czech
Danish
Dutch
Esperanto
Estonian
Filipino
Finnish
French
Galician
Georgian
German
Greek
Gujarati
Haitian Creole
Hebrew
Hindi
Hungarian
Icelandic
Indonesian
Irish
Italian
Japanese
Kannada
Korean
Latin
Latvian
Lithuanian
Macedonian
Malay
Maltese
Norwegian
Persian
Polish
Albanian
Romanian
Russian
Serbian
Slovak
Slovenian
Swahili
Swedish
Tamil
Telugu
Thai
Turkish
Arabic
Ukrainian
Urdu
Vietnamese
Welsh
Yiddish
lang
O Que Fazer
Onde Comer
Onde Ficar
Sobre Brasília
Contatos
Eventos
Notícias
Voltar
Instagram
Twitter
Youtube
Facebook
Voltar

Museu Vivo da Memória Candanga

A área do antigo Hospital Juscelino Kubitschek de Oliveira é o único conjunto arquitetônico remanescente da construção de Brasília. Projetado pela equipe da Novacap, o hospital foi construído em apenas 60 dias e o primeiro a funcionar na cidade.

A inauguração ocorreu no dia 6 de julho de 1957. Seus 1.265 m² de área edificada em madeira abrigavam ambulatório, centro cirúrgico, administração e residência para médicos e funcionários.

Desativado desde 1974, o conjunto foi tombado em 1985 como Patrimônio Histórico a pedido da comunidade local. Em abril de 1990, o lugar passou a abrigar o Museu Vivo da Memória Candanga, representando uma das últimas referências arquitetônicas do resgate e testemunho histórico contextual da construção da capital federal.

O acervo do museu é composto pelas edificações históricas, peças, objetos e fotos da época da construção da nova capital, distribuído pela exposição permanente “Poeira, Lona e Concreto”, que narra a história de Brasília desde os primórdios de sua construção até sua inauguração em 1960. São fotos de Mário Moreira Fontenelle (primeiro fotógrafo oficial de Brasília), Peter Scheir e Joaquim Paiva; ambientações do Brasília Palace Hotel e do próprio hospital.

Fazem parte do acervo também peças de artesanato e arte popular, integrantes da “Casa do Mestre Popular” e da exposição “Renovação e Tradição – Novos Caminhos”.

Fonte: Secretaria de Turismo

Compartilhar
© Bruno Pinheiro
Endereço
Endereço

Via EPIA Sul - SPMS - Lote D, no Núcleo Bandeirante

Endereço
Telefone

(61) 3301-3590

Horário
Horário

De segunda a sábado, das 9h às 17h

Site
SITE

Visitar

CDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZetCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZetCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZetCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZetCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZetCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVXZet